Angola Namibia Sobre Como Usar Glossário Documentos Imagens Mapas Google Earth go
Favor fornecer feedback! Clique para detalhes
Home The River Basin People and the River Governance Resource Management
A Gestão dos Recursos Hídricos
 Introdução
A Demanda de Água
Infra-estruturas de Água
 Barragens e Infra-Estruturas
 Sistemas de Transferência
Serviços de Águas Subterrâneas
 Angola
 Namíbia
 Impactos das Mudanças Climáticas
 Infra-estruturas de Irrigação
 Operação e Manutenção das Infra-estruturas
 Reabilitação e Futuro Desenvolvimento
 Águas Residuais
O Valor da Água
Monitorização dos Recursos
Investigação e Desenvolvimento
 Referências

 



Feedback

send a comment

Feedback

 

Serviços e Infra-estruturas de Águas Subterrâneas  

A recarga de águas subterrâneas diminui, geralmente de norte para sul e de leste para oeste na bacia do rio Kunene, embora também seja influenciada pelas propriedades hidráulicas favoráveis de determinadas formações dentro da área o que causa mais complexidade à tendência geral.

As elevadas taxas de evaporação e o relevo relativamente íngreme tanto no Alto como no Baixo Kunene que provocam escoamentos superficiais rápidos resultam numa recarga de água subterrânea relativamente baixa. Isto varia entre cerca de 250 mm/ano e 170 mm/ano no Alto Kunene, 170 mm/ano e 80 mm/ano no Médio Kunene; e 80 mm/ano e zero no Baixo Kunene (LNEC 1996).

Recarga de águas subterrâneas na bacia hidrográfica.
Fonte: AHT GROUP AG 2010 adoptado de LNEC 1996
( clique para ampliar )

Apesar do baixo índice de precipitação e de taxas de recarga baixas no Baixo Kunene, uma característica especial da zona é a abundância de nascentes nos afluentes do Kunene. Estas nascentes resultam da água das chuvas que escoam lentamente para jusante até encontrarem o leito rochoso maciço e impermeável (Burmeister and Partners 1998).

 

 



Interactive

Explore as sub-bacias do rio Kunene


Entrevista sobre a gestão integrada e transfronteiriça da bacia do rio Kunene


Investigue as barragens e açudes na bacia do rio Kunene


Examine o comércio de água virtual e a pegada de água dos países da SADC


Explore como as barragens produzem energia hidroeléctrica