Glossário

C

Cadeia alimentarUm modelo descritivo do facto que os organismos dependem de outros para sua alimentação e estão ligados uns aos outros através dessa dependência.
Capacidade de cargaMedida em que um ecossistema ou um recurso natural é capaz de resistir à pressão de forças externas como a degradação, a variação do clima, crescimento da população e a industrialização.
Capacidade máxima do rioO nível máxima de vazão, quando a água começa a transbordar as margens do rio e começa a espalhar-se nas terras planas adjacentes.
Capital naturalO total de todos os recursos naturais existentes, tais como água, solo, ar, minerais, flora e fauna.
CarcinógenoUma substância que pode resultar no desenvolvimento de um carcinoma.
Carga sedimentarA soma total da carga suspensa ou dissolvida na água e do material arrastado pelo rio.
CarnívoroOrganismo que se alimenta da carne de outros animais.
Caudal (as vezes: descarga)Volume de água numa secção transversal de um rio ou de um canal, por unidade de tempo.
Caudal de base Parte do caudal de um curso de água proveniente de águas subterrâneas, lagos ou glaciares, durante longos períodos em que não ocorre precipitação ou fusão de neve.
Caudal Ecológico MínimoO fluxo d'água mínimo para garantir a existência da ecologia de um rio, o reabastecimento dos aquíferos e a manutenção do leito do rio.
Caudal médioVazamento ou fluxo volumétrico médio.
Caudal mínimoNecessidades de água ambientais
Celeiro (da nação)Uma região geográfica que serve como a principal área de abastecimento de cereais.
Chuva orográficaA chuva orográfica acontece quando uma massa de ar quente e húmida é forçada a subir por causa de elevações da terra. Subindo, o ar arrefece, o que leva à condensação, formação de nuvens e precipitação pluvial.
Chuvas de convecção A formação de precipitações devida ao aquecimento do ar próximo à superfície da terra. Aquecendo, a massa de ar torna-se mais leve e começa a subir, expande-se e esfria, atingindo um grau de saturação e esfriamento que leva à precipitação.
Chuvas EpisódicasTermo usado para designar chuvas que acontecem isoladamente ou esporadicamente, sem ser possível distinguir nenhuma regularidade.
Chuvas frontaisPrecipitação pluvial resultante da convergência de duas massas de ar. Também chamadas de chuvas de convergência.
CianobactériaUm grupo grande e diversificado de bactérias com a capacidade de fotossíntese, também conhecido como algas azuis.
Ciclo da água / ciclo hidrológico Sucessão de fases pelas quais a água passa da superfície terrestre para a atmosfera: a evaporação a partir do solo, mar e águas interiores; condensação nas nuvens, precipitação, acumulação no solo e nos corpos de água.
Ciclo de nutrientesUso, transformação e reutilização de moléculas inorgánicas e orgánicas no ecossistema.
Ciclo hidrológicoRefere-se ao ciclo das águas oceánicas, desde o momento em que se movem do mar para a atmosfera, da atmosfera para a terra e de volta para o mar, incluindo todos os caminhos e processos ligados à acumulação e ao movimento da água em estado líquido, gasoso e sólido.
Classificação climática Veja classificação climática de Köppen.
Classificação climática de KöppenSistema que usa os dados mensais de precipitação pluvial e de temperatura e a precipitação anual para classificar o clima de um determinado lugar segundo as seguintes categorias: A) clima tropical; B) clima árido; C) clima temperado ou clima temperado quente; D) clima continental ou clima temperado frio; E) clima glacial. Essas categorias são ainda subdivididas em subcategorias. O sistema foi desenvolvido primeiro pelo biólogo alemão Wladimir Peter Köppen, em 1918, e teve várias modificações.
ClimaA média das condições meteorológicas a longo prazo, numa determinada região (p.ex.,características de temperatura, humidade, ventos e chuvas).
ClimaxDescreve o estado de equilíbrio alcançado no processo de sucessão ecológica, isto é, o desenvolvimento lento e a mudança sucessiva na composição de comunidades de vegetação numa determinada área.
Coeficiente de variaçãoParâmetro estatístico que descreve a mudança de uma variável estocástica no espaço ou no tempo, expressa como relação entre o desvio padrão e o médio.
ColectoresAbsorvem partículas orgánicas finas e muito finas suspensas na água (filtros colectores ou filtros alimentadores ou depositados no leito da corrente d'água).
CóleraUma doença de gastroenterite infecciosa causada pela ingestão da bactéria Vibrio cholerae.
ComercialNão governamental, pertencente à esfera comercial.
Comissão EuropeiaA Comissão Europeia é o órgão executivo que representa e defende os interesses da União Europeia (UE), propõe leis e executa as leis e regulamentos da União.
ConcorrênciaCompetição pelo uso de recursos caracterizados por serem subtractivos.
Condutividade eléctricaA característica física da água usada para indicar o nível total dos sólidos dissolvidos na água. O nível da condutibilidade é proporcional ao total de sólidos dissolvidos que se encontram na água.
Conhecimento indígenaTradições, prácticas, saberes, ensinamentos e conhecimentos de comunidades locais ou indígenas (cf. Traditional knowledge/ Conhecimento tradicional).
Conhecimento tradicionalRefere-se geralmente a tradições e práticas de longa data, consolidadas, de determinadas comunidades regionais, indígenas ou locais.
Conselho Internacional para a Ciência (ICSU)O Conselho Internacional para a Ciência (ICSU), antes chamado de Conselho Internacional das Uniões Científicas, foi fundado em 1931 como organização internacional não-governamental dedicada à cooperação internacional para o progresso das ciências.
ConservaçãoA protecção, manutenção, reabilitação, recuperação e o aumento de recursos naturais. Inclui a gestão do uso de recursos naturais para assegurar a sua sustentabilidade.
Consumidor primárioEm ecologia, chamam-se consumidores primários aos herbívoros, os seres que se alimentam de plantas - os produtores primários.
Consumidor secundário Um animal que se alimenta de outros animais.
ConsumidoresOrganismos que se alimentam de outros organismos ou de matéria orgánica morta. Cf. também heterotrófico.
Consumo comumA noção de consumo não subtractivo refere-se ao uso de um recurso natural ou serviço que não afecta a quantidade nem a qualidade desse mesmo recurso para outros usuários.
Consumo degradativoConsumo de um recurso que limita ou impossibilita o uso por um outro consumidor porque esgota ou degrada o recurso consumido.
Contexto de vulnerabilidade Cenários definidos como sendo de vulnerabilidade. Podem ser classificados como choques, tendências e sazonais.
ConurbaçãoConurbação é a unificação da malha urbana de duas ou mais cidades, em consequência de seu crescimento geográfico.
Convenção sobre a Diversidade Biológica (CDB)Abreviação: CDB. Um acordo assinado por 150 líderes mundiais na Cimeira da Terra no Rio de Janeiro, em 1992. As metas da CDB incluem a preservação da biodiversidade, o uso sustentável dos seus componentes e a divisão justa dos benefícios provenientes dos recursos genéticos.
Cooperação económicaForma de dois ou mais países trabalharem juntos e agirem em comum para promoverem os seus interesses económicos através de projectos e programas de todo tipo.
Coordenação de políticas Uma coordenação voluntária, entre dois ou vários Estados, para harmonização das suas políticas e outras medidas nacionais, em determinados campos de acção.
Crescimento económico Processo estável que aumenta continuamente a capacidade produtiva da economia de um país, para realizar um nível crescente de produção e ingresso nacionais.
CTPCA Comissão Técnica Permanente Conjunta (CTPC) foi criada em 1969 com o objectivo de consultar os governos de Angola e da Namíbia sobre o desenvolvimento dos recursos hídricos da bacia do rio Kunene e para supervisionar a implementação de projectos de infra-estrutura (por ex., projectos de abastecimento de água ou de produção de hidro-electricidade). Após a sua fundação, a CPTC foi particularmente encarregada de supervisionar a construção de três barragens, uma estação de energia, e uma estação de bombeamento. O mandato foi renovado no acordo de 1990 para futuros projectos de desenvolvimento.
CultivadoSolo preparado e usado para cultivo.
CultivoPreparo e uso do solo para agricultura, especialmente para produtos agrícolas em sistema organizado. Exige muitas vezes o uso de irrigação, ordenamento do território e a introdução de fertilizantes.
Cultura de rendimentoNa agricultura, uma cultura destinada ao mercado, para gerar rendimento. O termo é usado para diferenciar de cultivo destinado à subsistência ou à produção de alimentos para a própria família e os animais por ela criados.
Cultura em socalcos A construção de áreas em vários níveis, para culturas agrícolas, ao longo de encostas em áreas agrícolas acidentadas.
Cultura nas curvas de nível Um sistema de plantio das culturas em linhas perpendiculares à inclinação natural para reduzir a erosão do solo, proteger a fertilidade do solo e utilizar a água de forma mais eficiente.
CumulonimbusCúmulos extremamente densos, de formação vertical e contornos relativamente difusos, com picos glaciais atingindo grandes altitudes. Normalmente desencadeiam chuvas violentas, tempestades e granizo.
CumulusNuvens brancas, magestosas, com o aspecto de montanhas de algodão, de base plana e quase horizontal, contornos bem nítidos. Indicam bom tempo e estão a um ou dois km da superfície do solo.
Curso de águaTermo geral para designar qualquer fluxo de água como rio, córrego, riacho, regato, ribeiro.
Curso de água partilhadoUm curso de água que passa por dois ou mais Estados ou que forma a fronteira entre eles.
Curso inferior de um rio O curso inferior de um rio corresponde à região mais próxima à sua desembocadura.
Curso superior de um rio A parte superior de um rio, próxima à fonte. No curso superior de um rio, na área da nascente, normalmente montanhosa, o vale é estreito e a erosão é forte, e a velocidade da água é relativamente alta. Muitas vezes, as condições topográficas se prestam para represas e hidreléctricas.
Custos de oportunidadeCusto de oportunidade é o custo que se considera não como valor absoluto, mas como igual a uma segunda melhor oportunidade de benefícios que, no entanto, não foi aprovada.
CuvelaiRio na África Austral.