Angola Namibia Sobre Como Usar Glossário Documentos Imagens Mapas Google Earth go
Favor fornecer feedback! Clique para detalhes
Home The River Basin People and the River Governance Resource Management
A População e o Rio

 



Feedback

send a comment

Feedback

 

Conhecimento e Educação  

A dimensão “educação” do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é medida pelos indicadores “taxa de alfabetização de adultos” e “taxa de matrícula”.

Jovens estudantes e professores em frente duma escola reabilitada.
Fonte: Tump 2006
( clique para ampliar )

Taxa de Alfabetização de Adultos

A taxa de alfabetização de adultos é a proporção da população adulta com idades iguais ou superiores a 15 anos que sabe ler e escrever, expressa na forma de uma percentagem da população correspondente. Neste contexto, a alfabetização é definida pela capacidade de ler e escrever uma frase na vida diária. Como as definições e a recolha dos dados variam entre os países, as estimativas da alfabetização devem ser interpretadas com precaução (UNDP 2009).

Angola

De acordo com os dados do IDH mais recentes, 67,4% da população com idade igual ou superior a 15 anos em Angola sabe ler e escrever. A alfabetização de adultos permaneceu num nível relativamente baixo de 1990 (41,7 %, UNDP 1993) até ao final da guerra civil, em 2002 (42 %, UNDP 2004). Os dados do IDH de 2003 (UNDP 2005) indicam um aumento súbito para 66,8 %.

Namíbia

Em 2007, 88 % da população adulta da Namíbia foi considerada como alfabetizada. Anteriormente em 1990, apenas 57,5 % da população havia aprendido a ler e escrever (UNDP 1993). Desde então, um amplo programa nacional de alfabetização melhorou ainda mais o acesso à educação básica. O Programa Nacional de Alfabetização foi lançado na Namíbia em 1992, e em 1999 a alfabetização de adultos havia atingido 81,4 % (UNESCO website 2010; UNDP 2001).

Taxa Bruta de Matrícula

A taxa bruta de matrícula é definida pela percentagem da população (em idade escolar teórica) inscrita nos primeiro, segundo e terceiro níveis de ensino básico (UNDP 2009).

Angola

Em 2007, a taxa bruta de matrícula de Angola situava em 65,3 %, valor que parece ser relativamente elevado quando comparado com anos anteriores. Embora não estejam disponíveis dados consistentes ao longo do tempo, é possível recolher informação básica de edições anteriores do Relatório de Desenvolvimento Humano.

Em 1999, apenas 23 % da população em idade escolar estava inscrita no ensino (UNDP 2001). Os dados relativos a 2000-2003 indicam um nível de cerca de 30 %. Actualmente, o país parece ter atingido um nível idêntico ao do seu país vizinho, a Namíbia, o que representa um sucesso considerável.

Namíbia

Em 2007, a taxa bruta de matrícula na Namíbia era de 67,2 %. Os dados dos Relatórios de Desenvolvimento Humano anteriores sugerem uma estagnação neste nível.

 

 



Interactive

Explore as sub-bacias do rio Kunene


Entrevista sobre a gestão integrada e transfronteiriça da bacia do rio Kunene


Veja o cronograma histórico dos países da bacia do rio Kunene, incluindo os acordos e infra-estruturas de água


Cenas de vídeo sobre os San na Província de Kunene e o seu acesso limitado à água